System.Web.Mvc.HtmlHelper`1[System.Object]
travessa-percebes

Nutrição

Percebes: como preparar este delicioso marisco

Fique a par de como pode cozer, cozinhar e comer percebes. Descubra receitas fáceis e deliciosas com este tipo de marisco!
Os percebes estão entre as espécies de crustáceos mais apreciadas na gastronomia ibérica. Ao natural, cozidos, salteados, em saladas ou em arroz de marisco, esta relíquia que o mar oferece pode ser consumido das mais variadas formas e garante sabor e frescura à mesa.

Se nunca experimentou percebes, aqui encontra todas as dicas para prepará-los e as melhores receitas para os consumir. 

Percebes: uma verdadeira iguaria do mar


A aparência pode não ser a mais convidativa, mas por trás das suas cascas, os percebes escondem um delicioso sabor a maresia. Além de deliciosos, os percebes são muito interessantes sob o ponto de vista nutricional. São pouco calóricos (menos de 100 kcal por 100 g), ricos em vitamina B12, e fonte de minerais como o magnésio, fósforo, cálcio e potássio.

Os percebes são chamados de “filtradores” do mar. Escolhem as áreas mais rochosas da costa para viverem, pelo que a sua apanha é difícil de concretizar. 
A produção de percebes distribui-se uniformemente pelas costas rochosas do Oceano Atlântico, desde o Canal da Mancha, passando pelas Canárias até Cabo Verde. Porém, é na Península Ibérica que se verifica que esta iguaria é muito apreciada, sendo especialmente típica nas zonas do litoral de Portugal e da Galiza.

E se está na dúvida entre dizer percebes ou perceves, saiba que ambas as formas estão corretas. O nome científico desta espécie é Pollicipes pollicipes, mas pode ser chamada de percebe, perceve e até perceba. Na verdade, o nome pouco interessa quando o sabor marcante a mar fala por si.

Como escolher percebes


Para levar até à mesa os percebes mais saborosos e frescos, na peixaria do Continente deve optar por aqueles que cheiram a maresia, que ainda estão vivos e que não apresentam um aspeto pegajoso.

Como cozinhar e comer percebes


As melhores épocas para o consumo de percebes são entre os meses de março e junho e entre setembro e dezembro. Esta iguaria é muito versátil e pode ser consumida ao natural, cozida, salteada, à bulhão pato, em saladas e muito mais.

A parte que se come dos percebes são as pernas e sabe que estão no ponto se a unha “descolar” facilmente do pedúnculo. Quando servidos como petisco nas entradas de um jantar de amigos, a forma mais prática de comer os percebes é segurar com uma mão a ponta das unhas dos percebes (partes brancas) e com a outra mão partir a parte com “pele”, torcendo-a levemente até se soltar. Depois de a unha e a pele serem removidas, deve deitá-las fora e comer apenas a parte mais macia e tenra das pernas.

Receitas com percebes


Se precisa de inspiração para preparar estas iguarias, pode prová-los ao natural (ou cozidos) ou ainda com um molho especial. Descubra como o fazer sem esforço. 

Percebes ao natural ou cozidos


Para comer percebes ao natural, deve passar os percebes por água a correr para garantir que os lava muito bem. Depois, deve levá-los ao lume, numa panela com água, sal, alho e louro, assim que a água começar a ferver. Deixe cozer por apenas 2 minutos e reserve-os num recipiente que deverá levar ao frigorífico até arrefecerem na totalidade.

Percebes com molho especial


Agora que já sabe como cozer percebes, vamos elevar um pouco mais a fasquia e criar um belo prato de percebes com molho especial.

Para isso, deve começar por cozer os percebes como explicamos anteriormente. Depois de cozidos, deixe-os escorrer bem e arrefecer na totalidade. Reserve-os.

Pique agora alguns picles finamente e misture-os em maionese e cebolinho picado. Coloque a mistura numa tacinha à parte e na hora de comer os percebes, mergulhe-os no molho especial que acabou de criar.

Apesar de estas duas receitas de percebes serem as mais comuns, pode ainda consumi-los numa parrillada de marisco ou num xerém de marisco ou pode ainda adicioná-los já descascados ao arroz de marisco ou a uma feijoada de marisco.

 
Se é fã de marisco, descubra ainda 4 receitas práticas de marisco para preparar nas férias.