Alimentos

Batata: cultivar saúde

As batatas são ricas em minerais necessários para o bom funcionamento do cérebro e dos músculos. Descubra tudo sobre as vantagens e propriedades deste alimento.

Praticamente sem gordura e com muito pouca proteína, a batata proporciona excelentes benefícios para a saúde, tais como melhorar o estado nutricional, reduzir a tensão arterial, e fornecer energia. Descubra tudo sobre este alimento. 

As vantagens da batata

O consumo regular da batata tem vários benefícios para o organismo:

Reduz a tensão arterial

A batata tem compostos chamados kukoaminas que ajudam na redução da tensão arterial.

Ajuda na prisão de ventre

Tanto a fibra solúvel como a insolúvel existentes neste tubérculo ajudam a prevenir a prisão de ventre.

Boa para a saúde alimentar

Com uma alta concentração de vitamina B6, uma única batata cozida contém 21% do valor diário deste importante nutriente, o que faz dela um importante alimento para a promoção da saúde alimentar.

Auxilia o sistema nervoso

As células neurológicas são "colegas" da vitamina B6, que é necessária na criação de amina para os neurotransmissores que o sistema nervoso utiliza para transmitir mensagens de um nervo a outro.

Aumenta o desempenho atlético

A vitamina B6 é necessária para a quebra do glicogénio, e isso tem influência na performance atlética e na resistência física. É um relaxante muscular natural.

Ação antioxidante

A vitamina C tem o poder de proteger as células contra oxidações indesejáveis, e, portanto, a formação de radicais livres, prejudiciais ao organismo.

E pode encontrar estes benefícios em diferentes tipos de batata.

Tipos de batata

Existem mais de quatro mil variedades comestíveis de batata, encontradas sobretudo nos Andes, na América do Sul.

Em Portugal, embora a produção de batata seja feita ao longo de todo o ano, há dois períodos de colheita que se consideram mais importantes: entre março e abril, quando surge a batata primor, e entre julho e agosto, com a batata de conservação.

As variedades de batatas são classificadas pela forma (compridas ou redondas) e pela cor da casca, que pode ser branca, castanha-avermelhada ou vermelha.

Breve história das batatas

Desconhecidas no Velho Continente até ao século XVI, há muito que as civilizações andinas produziam e consumiam este tubérculo. Os Incas, há cerca de sete mil anos, aperfeiçoaram o seu cultivo usando, inclusive, técnicas de irrigação.

Foram os conquistadores espanhóis, que por volta de 1590, ao regressarem das Américas, trouxeram com eles as batatas com que se tinham deparado no Peru. 
A porta de entrada deste alimento na Europa foi Espanha. Daí, expandiu-se para Itália, França e Alemanha, antes de conquistar o mundo.

Ao chegar a Portugal, a batata ficou conhecida como "castanha da terra", uma vez que desempenhou um papel importante na substituição desta nos nossos hábitos alimentares. Mas seria somente no século XVIII, graças ao farmacêutico do exército francês Antoine-Augustin Parmentier, que se reconheceu finalmente as potencialidades da batata.

Ao chegar a Portugal, a batata ficou conhecida como castanha da terra


Parmentier descobriu as suas qualidades nutritivas durante um período em que esteve preso. Quando regressou a casa tratou de popularizar o seu consumo, no que foi ajudado pela instabilidade política e consequente penúria que se seguiram à Revolução Francesa, em 1789.

No entanto, seria a fome que grassou em vários países europeus que viria a contribuir em definitivo para a popularidade da batata como alimento eficaz e barato.

A derradeira prova da sua importância foi "a grande fome da batata" que ocorreu na Irlanda em 1850 - onde o tubérculo era a base da alimentação da população. Quando uma praga dizimou os batatais do país, provocou cerca de um milhão de mortes e a emigração de outro milhão para os EUA.

Como consumir batatas

O uso culinário das batatas é muito diversificado. Hoje em dia são o quarto alimento mais consumido em todo o mundo, só perdendo para o trigo, o arroz e o milho.

As batatas podem ser cozidas, fritas, assadas, guisadas, salteadas, gratinadas, à murro, à parisiense, como base de sopas, recheadas, em puré e em soufflé, em bolos e broas, em croquetes e gnocchi, entre muitos outros.

Para escolher as melhores batatas, estas não devem apresentar sinais de desidratação, danos nem estar greladas ou esverdeadas. E devem ser conservadas à temperatura ambiente, em local fresco e arejado, ao abrigo da luz.

As batatas são um alimento com imensos benefícios

Apesar do alto índice glicémico da Batata lhe atribuir a fama de ser um alimento que engorda, se houver um equilíbrio com os outros alimentos só teremos vantagens na ingestão deste extraordinário tubérculo.

É um ótimo relaxante muscular, melhora a saúde cardiovascular, facilita o trânsito intestinal, reduz a tensão arterial e retarda o envelhecimento. Descubra as diferentes variedades numa loja Continente mais perto de si.