Melhores espumantes

Bebidas Espirituosas

Melhores espumantes para brindar

Fique a par das nossas sugestões e dicas para comprar espumantes para várias ocasiões. Conheça as melhores opções!
Atualizado a 23/01/2024
Espumantes são sinónimo de celebração! Descubra como escolher a melhor opção para as suas festas, quais as diferentes marcas e como servir.

Espumantes: qual a origem?


O champanhe é o mais conhecido tipo de vinho espumante, produzido e certificado na região de Champagne, no nordeste de França. As origens do champanhe remontam ao final do século XVII, pela mão do monge Dom Pérignon. Até hoje, só o champanhe desta região pode ter a designação “champagne”. Os espumantes produzidos fora desta região não podem ter essa designação, mas isso não significa que não sejam deliciosos. Basta saber escolher o melhor para cada ocasião.

Como escolher os melhores espumantes


Na hora de escolher os melhores espumantes, tenha em consideração o grau de doçura, para encontrar a opção que mais lhe agrada e mais adequada à ocasião. Esta bebida pode variar do muito seco ao doce e muito dependerá do que mais agrada ao paladar de cada um.

Dê preferência à versão “Bruto” (ou "brut"), que significa que o espumante contém pouco açúcar residual – menos de 12 gramas de açúcar por litro. Pode ainda ver a indicação extra brut, que é um pouco mais seco que o brut, ou brut nature, que é o mais seco de todos.

As opções “Meio-Seco” ou “Doce” são fantásticas para a preparação de cocktails com sumos de fruta ou para os brindes acompanhados de bolo festivo.

Melhores espumantes do mundo


Entre os melhores champanhes do mundo está o afamado Dom Pérignon. A maturação lenta traz complexidade a estes vinhos, com notas de goiaba, casca de toranja, pêssego branco e nectarina. Este champanhe é ideal para acompanhar pratos de carne, mais intensos, como assados. No Continente pode encontrar o Dom Pérignon Branco Bruto, com oito anos de maturação.

Uma opção mais em conta e, ainda assim, entre as melhores do mundo é o Moët Chandon Brut Branco, uma escolha elegante, com um sabor macio, rico, equilibrado e persistente.

Criado por uma das mais antigas famílias de Champagne, o Bollinger traz no sabor um pedaço da história desta região francesa. Na garrafeira do Continente vai encontrar o Bollinger Brut Rosé, para uma experiência diferenciadora.

Outra opção com uma excelente relação qualidade/preço é o Champanhe Gruet Sélection Bruto Branco, nascido de uma mistura de 3 castas: Pinot Noir, Chardonnay e Pinot Meunier. Com notas florais e aromas elegantes, é o acompanhamento perfeito para momentos únicos.

Melhores espumantes portugueses


Em território nacional produzem-se igualmente espumantes de elevada qualidade, nomeadamente:

Terras Do Demo Pinot Noir Blanc De Noir Távora-Varosa Branco Bruto


Da gama “Terras do Demo”, produzida em exclusivo para a garrafeira do Continente, sugerimos-lhe este espumante branco, com tom levemente rosado. É produzido a partir da casta tinta Pinot Noir, reconhecida internacionalmente como uma das castas mais nobres.

São Domingos Millésime Doc Bairrada Branco Bruto


As Caves do Solar de São Domingos, com os seus mais de 80 anos de história, produzem este espumante DOC Bairrada perfeito para acompanhar os assados no forno e os mariscos.

Villa De Corgos Cuvée Blanc De Blancs Regional Beira Atlântico Branco Bruto


A frescura e a cremosidade deste espumante Cuvée, das castas Bical e Arinto vindimadas à mão, assim com a elegância da sua garrafa, convidam a brindes festivos.

Villa De Corgos Rosé Regional Beira Atlântico Branco Bruto


É da típica casta tinta Baga que é produzido este espumante rosé, vibrante e frutado, com notas de geleia de frutos vermelhos, com 9 meses de estágio em garrafa. Perfeito para aperitivos com salmão fumado, queijo creme e patés.

Contemporal Reserva Doc Bairrada Branco Bruto


O Contemporal Reserva é um espumante da Bairrada, produzido com as suas castas típicas, com cor citrina e aroma frutado, notas de maçã e pastelaria.

Melhores espumantes para o Ano Novo


Na garrafeira do Continente encontra várias opções de excelentes champanhes e outros espumantes de qualidade, para celebrar a passagem de ano em grande.

Prosecco


O Prosecco é produzido em Itália, mais precisamente no norte do país, sendo composto pelo menos em 85% por uva Glera.

O Gancia Prosecco Branco Bruto é uma ótima opção para acompanhar pratos de marisco. Se a sua ideia é um espumante para acompanhar, por exemplo, um prato de peru assado no forno, opte por um Mionetto Prosecco Branco Bruto, com aromas de alcaçuz, mel e acácia, sabor a maçã e efervescência intensa e fina.

Espumante nacional branco


Por cá, há também várias boas opções de espumante nacional para experimentar na passagem de ano. Com um sabor a frutos secos, pode encontrar na garrafeira do Continente o Murganheira Reserva Espumante DOC Távora-Varosa Branco Bruto, ou ainda o Espumante Vinha Maria Branco Bruto com sabor frutado e aromas a geleia de frutos de polpa branca, frutos cítricos, avelã e biscoito.

Já para um prato principal, encontra o Espumante Vértice Bruto Millesime Douro, vinho da região do Douro, desenvolvido com as castas Chardonnay e Gouveio. Para acompanhar as sobremesas, aconselhamos o Murganheira Reserva DOC Távora-Varosa Branco Doce.

Espumante nacional tinto


Para pratos de carne, um espumante tinto pode ser o mais indicado. O Aliança Tinto Bruto é macio, frutado e ligeiramente acídulo, conferindo-lhe uma frescura distinta. Já no Contemporal Tinto Bruto sentirá uma bolha fina e persistente, com amoras de frutos vermelhos e notas a geleia.

Espumante nacional rosé


Se quer experimentar algo novo, talvez um espumante rosé seja a melhor opção. O Terras do Demo DOC Távora-Varosa Rosé Bruto é ótimo para acompanhar pratos de marisco. Já o Murganheira Czar DOC Távora-Varosa Rosé Bruto, produzido com a casta Pinot Noir, adequa-se mais a carnes vermelhas, contando com aroma a framboesa que lhe confere frescura.

Como servir espumantes?


Tanto o champanhe como o espumante devem ser sempre serviços a temperaturas baixas, entre os 6ºC e os 10ºC. Contudo, cada produtor indica sempre a temperatura adequada, por isso não se esqueça de verificar o rótulo.

Aqui ficam algumas dicas para melhor servir champanhe e espumante:

  • Espere uns momentos antes de abrir a garrafa depois de a movimentar;
  • Não aponte a garrafa para pessoas, móveis envidraçados ou tetos falsos;
  • Segure a garrafa com uma mão e a rolha com a outra;
  • Gire a garrafa lentamente até a rolha se soltar;
  • Use os dedos polegares e outros dedos para ajudar a soltar a pressão;
  • Sirva numa taça tipo flute.

E para que nada falte na sua mesa, há várias receitas, como entradas e pratos principais a pensar na passagem de ano, que combinam com qualquer uma das garrafas de espumante que lhe sugerimos.

Agora já sabe como escolher os melhores espumantes e champanhes para brindar em grande estilo. Os melhores vinhos estão à sua espera na Garrafeira do Continente!