Saúde e Higiene

4 dicas para uma boa higiene do cão

Luca Conde

Luca Conde

Especialista em treino e comportamento animal

Descubra aqui 4 dicas para cuidar e manter uma boa higiene do seu cão!
Luca Conde

Luca Conde

Especialista em treino e comportamento animal

A higiene em casa é algo que preocupa os cuidadores de cães, essencialmente o medo de que façam as suas necessidades pela casa e não na rua. Mas com as condições apropriadas e a oportunidade certa, naturalmente irão fazer tudo nos locais certos. É aqui que temos um papel fundamental.


Dicas-chave para uma boa higiene do cão

1. Prevenir

Um bom princípio é criar um espaço seguro para o seu cachorro, onde ele possa estar tranquilo, ter a cama para dormir, água, comida e uma zona para fazer necessidades (devidamente afastada).

Deve ter também um espaço onde ficar durante a sua ausência, no qual o risco de “acidentes” seja baixo. Para este espaço seguro, opte por uma divisão da casa ou por comprar/construir um parque adequado.


2. Recompensar

Recompensar imediatamente no segundo em que ocorre e sempre que ocorre! Diga-lhe, por exemplo: “Vamos à casa de banho?” e aí leva-o ao local reservado para essa necessidade.

Dê-lhe uns minutos e se ele fizer, recompense-o de forma entusiasta com uma guloseima (comida/snacks).

Caso não o faça, leve-o de volta e após meia hora repita o processo. Depois de muitas recompensas sempre no mesmo sítio, ele próprio começará a querer fazer sempre no mesmo local.

Quando já tiver idade para andar na rua, pode fazer o mesmo procedimento, mas não se preocupe demasiado com este último passo, naturalmente irá preferir ir à rua à medida que cresce.
3. Definir onde é a "casa de banho"

A “casa de banho” deve estar afastada o máximo possível da cama, água e comida, e ser ainda de fácil higienização.

Pode optar por vários materiais, como substrato para a “casa de banho”, jornais, areia, uma caixa com relva, azulejos ou algo parecido com o pavimento da rua.

Se tiver um espaço exterior, perfeito! Essa pode ser a zona escolhida.


4. Muita paciência

Se fizer as necessidades no sítio errado, não deve castigá-lo. Ao ser mais brusco, ele pode desenvolver medo em fazer as necessidades à sua frente, o que dificulta muito o processo de aprendizagem.

Isto pode também dar azo a que ele as faça em casa às escondidas!
Estas 4 dicas são mesmo a chave para uma correta e saudável higiene do cão.

Descubra outras dicas de cuidado e comportamento animal que os nossos especialistas reuniram para o ajudar a si e ao seu patudo.