Casa Sustentável

6 dicas para ter uma cozinha sustentável

A cozinha é a divisão da casa onde as medidas para reduzir a pegada ecológica devem ser mais drásticas. Comece agora a agir!
Esta é a divisão da casa onde as medidas para reduzir a pegada ecológica devem ser mais drásticas já que, por norma, é o espaço em que existe um maior consumo de energia e onde se gera a maior quantidade de desperdícios. Comece agora a agir!


6 passos para uma cozinha sustentável

1. Compras amigas do ambiente

Os sacos reutilizáveis são um indispensável para as suas compras. Traga sempre um na carteira ou na mala do carro. Existem muitos modelos e tamanhos, adequados a cada tipo de compra.

Além de versáteis, evitam o consumo de plástico. E com um pequeno gesto, fazemos uma grande diferença no planeta.
2. Aposte no aço inoxidável

Sabia que o aço inoxidável é 100% reciclável e pode ser transformado num novo aço sem perda de qualidade?

Além disso é duradouro, resistente às temperaturas, não enferruja e é fácil de limpar. Tudo boas razões para o ter na sua cozinha, desde tachos e panelas, a facas, coadores e outros objetos de utilidade.
3. Privilegie produtos de limpeza ecológicos

Opte por produtos de limpeza amigos do ambiente, produzidos com matérias-primas sustentáveis, ingredientes biodegradáveis e embalagens de plásticos recicláveis e reciclados.

Conheça a gama de produtos biológicos da marca Continente ECO e contribua para um mundo melhor.
4. Privilegie a utilização de facas

Opte por usar facas e evite a utilização de processadores.
5. Opte por esponjas sustentáveis

Quando trocar de esponja ou esfregão, procure aqueles que são feitos de materiais sustentáveis, como a luff a (esponja vegetal) e o coco.
6. Placas de indução e limpeza de fornos

Segundo o site Ethical Consumer, as placas de indução consomem menos eletricidade, pelo que são uma boa opção para a sua cozinha.

Recomenda também que se evite o uso da função autolimpeza nos fornos, uma vez que esse processo pode ser extremamente intensivo no consumo de energia.
Veja outras dicas do Continente para ter uma vida e uma casa mais sustentável.