Raças de Gato

Azul Russo: carinhoso e inteligente

O Azul Russo é uma raça amistosa e ativa, cujo nome faz jus à sua pelagem azul-acinzentada. Saiba mais sobre este elegante felino.

De pelo curto escuro e olhar intenso, o Azul Russo foi um dos gatos mais cobiçados durante o século XIX. Descubra quais são as suas origens e características.

Origem

Com origens na Rússia, em regiões com temperaturas negativas, o Azul Russo chegou à Europa em meados do século XIX.

Estima-se que tenha entrado em Inglaterra à boleia de marinheiros britânicos, no ano de 1860. Cinco anos depois, aparece referido em livros, e atingiu o auge da sua popularidade.

É reconhecida como raça oficial desde 1937, mas com o eclodir da II Guerra Mundial, a espécie reduziu consideravelmente em número. Sobreviveu apenas graças aos cruzamentos com Siameses, British Shorthair e gatos europeus de pelo curto. Como consequência, o pelo do Azul Russo tornou-se mais curto e denso e, os seus olhos, adquiriram uma cor esmeralda intensa.

Atualmente existem três principais ramificações da raça na Europa:
  • Siberiano ou escandinavo, que é mais pequeno, de pelagem escura e mais tímido;
  • Americano, de pelo claro, mais elegante e que adora a companhia das pessoas;
  • Inglês, sendo este o mais corpulento, de orelhas mais juntas.
Tamanho

O Azul Russo é um felino de tamanho médio, com cerca de 20 a 30cm, de corpo gracioso, patas largas e peso que pode variar entre os 3 e os 5kg. A cabeça é cuneiforme, os olhos são de tom esmeralda brilhante e, tal como as orelhas, estão bastante afastados. As bochechas pronunciadas conferem-lhe uma característica bastante peculiar.

Pelagem

O pelo do gato Azul Russo é curto, denso, muito fino e suave, com reflexos prateados, e o sub-pelo é muito denso. Este gato é a única raça com este tipo de manto duplo, para o qual é recomendada a escovagem uma vez por semana.

As manchas descoloradas ou mesmo brancas, e as marcas tigradas não são consideradas pelos padrões da raça.

Personalidade

O Azul Russo é sensível, afetuoso, brincalhão, independente e de caráter autoritário. Adapta-se bem à vida num apartamento, mas como excelente caçador que é, aprecia a existência de um jardim.

Na juventude, são animais brincalhões e temperamentais, mas com a chegada à idade adulta, estes felinos cheios de energia transformam-se em atletas elegantes e calmos. Com uma grande aptidão para a aprendizagem, adoram descobrir novos truques para se divertirem e estimularem. Os jogos de inteligência e agilidade são os seus preferidos.

O Azul Russo é uma raça de gatos que precisa de estar acompanhada. Se não houver a possibilidade de passar a maior parte do dia com a sua família humana, deve ser considerada a companhia de outro felino.

Problemas de saúde 

Trata-se de uma raça bastante resistente, sem propensão a ter problemas de saúde genéticos ou crónicos, conseguindo alcançar uma esperança média de vida bastante alta, de 15 anos.

Apesar dos problemas de saúde serem raros, é conveniente prestar atenção ao apetite do Azul Russo, já que pode ficar acima do peso com facilidade. As escolhas alimentares e hábitos saudáveis são a receita para garantir que vive forte e saudável.

O Azul Russo está entre as raças de felinos mais recomendadas para principiantes no papel de família desta espécie. De temperamento tranquilo, nada destruidores, são capazes de criar fortes vínculos afetivos com a sua família de humanos. Encanta com a sua nobre beleza e leva alegria para as casas onde habita.