Atum

Alimentos

Atum: rico em sabor e em saúde

O coração e os músculos agradecem o consumo de atum, tão versátil de preparar e integrar na nossa dieta. Descubra todos os benefícios do atum aqui.
O atum é um dos peixes mais relevantes para a dieta portuguesa. Por cá, consumimo-lo mais em lata, mas este é um alimento muito versátil na cozinha. Quando comprado fresco, pode ser preparado de mil maneiras diferentes. A cru, destaca-se no sushi e no verão vai bem na grelha. De sabor rico, o atum é também excelente para a saúde. Descubra porquê.


Benefícios do atum


Porque é que tanta gente, em tantas culturas diferentes, continua a preferir atum ao longo de vários anos? Entre o enorme leque de vantagens deste peixe, estas são as principais:

Saúde do coração

Rico em ácidos gordos ómega-3, essenciais para a saúde do coração, contribuindo para o aumento do bom colesterol (HDL) e redução do mau colesterol (LDL), melhorando também a pressão arterial.

Energia e força

Se navegarmos pelo mar de vitaminas que o atum traz até ao nosso corpo, pescamos benefícios das vitaminas D e B12. Esta última é essencial para nos sentirmos com energia e força. Assim, o atum é uma excelente alternativa às carnes vermelhas, a fonte de vitamina B12 mais comum nas nossas dietas.

Músculos

Em cada 100 gramas de atum encontramos cerca de 24 gramas de proteína, o que faz deste peixe um excelente alimento para os músculos. 

Ossos

Quanto à vitamina D, que só conseguimos sintetizar se estivermos expostos ao sol, é essencial para a saúde óssea, ajudando à absorção de cálcio.

Motivação

A vitamina D também se associa ao bem-estar psicológico, ajudando a diminuir o risco de patologias relacionadas com a depressão.

Tipos de atum


O atum não é apenas um peixe. É uma família de peixes. Em Portugal, encontra-se muito o Atum Rabilho do Atlântico, pescado no Algarve e nos arquipélagos da Madeira e Açores. Noutras partes do mundo, encontra, por exemplo, o Atum Rabilho do Pacífico e o Atum do Sul.

Os peixes da família do Atum viajam sempre em cardume e a alta velocidade. Espécies migratórias e predadores por natureza, o atum chega a percorrer 170 km por dia. É também um dos maiores peixes que nos serve de alimento. No Continente pode encontrar o atum fresco (inteiro ou em postas), congelado em postas e atum em conserva.

A breve história do atum


Desde os Descobrimentos que o atum é pescado na costa portuguesa. Muito anos depois, nos Açores e no Algarve, a pesca do atum chegou a ser interrompida pela falta destes tunídeos na nossa costa. Na Madeira e nos Açores a pesca ainda é feita recorrendo ao método de salto e varo, um dos mais amigos do ambiente.

Hoje em dia, a maior parte do atum que é pescado na nossa costa é exportado, principalmente para o Japão onde este peixe é o rei do sushi. Já pelas nossas terras, o atum é na sua maioria consumido em conserva.
Filetes de atum

Como escolher atum?


Imagine que vem a uma peixaria Continente e quer escolher a melhor posta de atum.  O que deve ter em conta?

  • Os olhos do peixe devem ser brilhantes, claros e salientes.
  • As guelras devem ser vermelho-escuro com aroma fresco e sem muco.
  • O corpo deve apresentar-se com a carne firme e elástica ao toque e a pele com superfície macia e polida.
  • Em postas, deve verificar a cor, o mais viva possível e o perfume a maresia.
  • Em nenhum momento o atum pode parecer seco ou oxidado.

Chegado a casa, deve, no máximo, conservar o atum durante 1 dia e em recipiente fechado no compartimento do frigorífico para o peixe. Mas o melhor mesmo, é consumi-lo no mesmo dia.

Como consumir atum?


No seu dia-a-dia, pode consumir o atum cru ao confecionar sushi, sashimi ou tártaro de atum. Se peixe cru não for a sua praia, grelhá-lo ou fritá-lo são ótimas opções, com a primeira a ser naturalmente a mais saudável. À semelhança de muitos outros peixes, o atum casa bem com vinho branco. Se for em sushi, o saké é a bebida perfeita para o acompanhar.

A vitamina B12 presente no atum é essencial para nos sentirmos com energia e força.

De sabor muito rico, o atum precisa de muito pouco tempero. Um pouco de sal, pimenta, limão e uma aromática a gosto é tudo o que basta para grelhar uma boa posta de atum.

Outra das grandes vantagens do atum é a praticabilidade de o ter sempre à mão e pronto a consumir quando compra um atum em conserva. Esta é sempre uma boa escolha para sandes, wraps, cones ou para acompanhar uma salada de feijão frade.

Atum braseado

Já provou atum braseado? Esta forma de confecionar atum é muito simples e rápida de pôr em prática. Além disso, esta técnica preserva todos os sucos do atum, garantido a qualidade e um sabor autêntico. Aqui ficam alguns exemplos de receitas de atum braseado:
Para esta última sugestão de receita, encontra na peixaria do Continente Tataki de atum braseado MSC que, além de versátil, está apto para consumo cru (sob a forma de sushi ou sashimi), devido à técnica de congelação. A sua confeção é muito simples e rápida: só precisa de descongelar, colocar o molho de soja e servir.

Para as restantes receitas, encontra ainda no Continente tártaro de atum congelado, cubos, porções marinadas e bifes de atum.

O atum é um peixe especial


O atum é um peixe apreciado por muitas culturas, tendo sempre um lugar central e de requinte. Mas mais do que isso, é nutricionalmente rico, não é difícil de preparar e tem um sabor único. Encontre uma vasta gama no Continente.