System.Web.Mvc.HtmlHelper`1[System.Object]

Alimentos

Kefir: o que é e quais são os seus benefícios?

Descubra o que é kefir e quais os benefícios do kefir para a saúde. Conheça ainda algumas receitas com kefir para consumir no dia-a-dia.
O kefir é um alimento probiótico muito versátil e que, devido à sua composição nutricional, pode apresentar vários benefícios para a saúde. Nomeadamente, na região do Cáucaso, de onde é originário, o kefir é considerado um dos responsáveis pela longevidade incomum da população.

Conheça todos os benefícios do kefir e descubra ainda como introduzi-lo na sua alimentação.


Kefir: o que é?

O kefir é um alimento com propriedades probióticas, cremoso, com um ligeiro sabor amargo, que resulta da fermentação do leite ou da água (de coco ou mineral).

É originário do Cáucaso, região da Europa Oriental e da Ásia, que se situa entre o Mar Negro e o Mar Cáspio. Foi aqui que começou a ser consumido há milhares de anos e é, até hoje, conhecido como um dos principais responsáveis pela longevidade dos seus habitantes – que vivem até aos 100 ou mais anos.
Benefícios do kefir

Devido ao ser perfil ou composição nutricional, o kefir está associado a outros benefícios, nomeadamente:


Alimento probiótico mais completo do que o iogurte

Os probióticos são microrganismos vivos que, quando consumidos numa determinada quantidade, têm benefícios comprovados para o equilíbrio das bactérias intestinais e na saúde em geral.

Por ser um alimento probiótico, isto é composto por bactérias que contribuem para o equilíbrio da microbiota intestinal (ou flora), este acaba por ser benéfico para o sistema imunitário. A bactéria Lactobacillus Kefiri presente no kefir, por exemplo, é capaz de impedir o crescimento de outras bactérias patogénicas como a Salmonella e a E.coli.

Um dos alimentos que apresenta uma quantidade mais elevada de probióticos é o iogurte. Para quem é intolerante à lactose e se vê impossibilitado de consumir produtos lácteos, como os iogurtes, o kefir é bem tolerado por pessoas com este tipo de intolerância alimentar.


Saúde óssea

Além de ser uma fonte significativa de cálcio, o kefir fornece ainda vitaminas importantes para a saúde óssea, tais como a vitamina K e a vitamina D.

Contudo podem variar consoante a quantidade de gordura do Kefir, pelo que deve confirmar o seu teor na rotulagem, uma vez que podem estar a ser até enriquecidos com as mesmas. Estas vitaminas são benéficas para o sistema imunitário e para a saúde óssea.


Outros benefícios

Alguns estudos indicam que os probióticos presentes em bebidas fermentadas como o Kefir, podem ter benefícios em diversas doenças nomeadamente:
  • Melhoria do trânsito intestinal e do metabolismo da lactose;
  • Redução da inflamação intestinal, na doença de Crohn;
  • Melhoria da resposta imunitária e ação anti-inflamatória;
  • Redução dos níveis de colesterol sanguíneo e risco de doença cardiovascular;
  • Prevenção e terapêutica da diabetes e obesidade;
  • Prevenção e terapêutica da ansiedade e depressão.
Como existe uma diminuição do pH neste tipo de alimentos, os seus micronutrientes (como o cálcio e fósforo) tornam-se mais disponíveis e são melhor absorvidos. Para além disso, têm maior digestibilidade do que o leite devido à degradação parcial das proteínas, lípidos e hidratos de carbono.
Tipos de kefir

Existem dois tipos de kefir que pode criar e consumir: kefir de leite e kefir de água. Saiba quais são as diferenças.


Kefir de Leite

Como o nome sugere, o kefir de leite resulta da fermentação obtida através da adição do leite (de vaca, cabra, ovelha ou vegetais – coco, arroz, amêndoa, etc.) aos grãos de kefir.

Os grãos de kefir são formados por uma mistura de bactérias e leveduras unidas a uma matriz polissacarídea e quando são adicionados ao leite vão fermentá-lo.

Na prática, esta mistura é deixada à temperatura ambiente por aproximadamente 24 horas. Depois côa-se o leite fermentado para separar e recuperar os grãos que são adicionados a mais leite fresco, repetindo-se o processo.

O kefir líquido já fermentado que é coado pode ser consumido de imediato ou pode ser armazenado no congelador ou no frigorífico para ser consumido noutra altura.


Kefir de Água

O kefir de água é obtido de forma semelhante à do kefir de leite. A principal diferença é que, em vez de se usar leite, usa-se água de coco ou mineral e açúcar.

Na prática, adiciona-se açúcar mascavado e os grãos de kefir à água. Esta mistura deve ser mantida num recipiente fechado, num local escuro e à temperatura ambiente, para fermentar por um período de 24 a 72 horas.

Depois de fermentados, os grãos de kefir são coados e usados numa próxima fermentação. É importante referir que quanto mais fermentar, mais doce fica a bebida.
Onde comprar kefir

Além de poder criar o seu próprio kefir em casa, pode também optar por comprar kefir já preparado e pronto a beber ou a comer.

Encontra várias opções para consumir kefir no Continente, nomeadamente leite de kefir, iogurtes ou iogurtes líquidos de kefir.


Como consumir kefir

Como referimos, se optar por fazer o seu próprio kefir em casa, pode consumir o leite ou a água obtida no processo de fermentação ao natural ou pode adicioná-los a sumos naturais, chás, fruta ou preparar deliciosas receitas com kefir. Aqui ficam algumas sugestões.


Receitas com kefir

O kefir é muito versátil e combina facilmente com diversos alimentos. Pode criar o seu próprio gelado de kefir de maracujá e chocolate branco, substituir o leite por kefir na preparação da massa das suas panquecas ou crepes ou ainda surpreender os convidados com uma deliciosa panna cotta com kefir.

Existem inúmeras receitas com kefir, basta optar por aquelas que vão ao encontro dos seus gostos e preferências.


Além de kefir, saiba ainda como preparar Kombucha e outras bebidas fermentadas.